spot_imgspot_img

Projeto de lei quer tornar alerta de ponto cego obrigatório no Brasil


Ainda esperamos pelas novas regras que farão com que todos os carros no Brasil venham com controles de estabilidade e tração de série, o que acontecerá apenas em 2024. Enquanto isso, já existem movimentos para que os veículos fiquem ainda mais seguros com a adição de  equipamentos. O Projeto de Lei 673/2022, da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), busca tornar o alerta de ponto cego um item de série obrigatório no país.

No projeto de lei, a senadora utiliza um estudo do Insurance Institute for Highway Safety (IIHS), ONG formada pelas seguradoras nos Estados Unidos, que aponta que carros equipados com os sensores de colisão lateral, popularmente conhecido com alerta de ponto cego, reduz em até 14% os acidentes de mudança de faixa. Atualmente, o equipamento não é obrigatório em nenhuma região do mundo, exceto para caminhões na Europa, embora equipe muitos dos carros vendidos por lá.

Sensor de ponto cego

“Acredito que a adoção dos sensores de ponto cego como equipamento obrigatório nos veículos automotores contribuirá para a redução do número de acidentes em nossas vias, tendo em vista que esse dispositivo auxiliará os motoristas na condução segura dos veículos”, argumenta a senadora. Ela cita que o valor do dispositivo é inferior a R$ 400, o que não afetaria significantemente os preços dos automóveis.

O sensor de ponto cego funciona com câmeras posicionadas na carcaça dos espelhos laterais, detectando a presença de carros e motos que geralmente não são visíveis nos retrovisores (o famoso ponto cego). Caso um veículo esteja muito próximo, o sensor faz um alerta, que pode ser por uma luz no vidro do retrovisor, na lateral da peça, ou na parte interna da coluna A.

O texto irá para análise das comissões temáticas e, caso seja aprovado, seguirá para o Senado e, depois, para a Câmara dos Deputados. O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) irá criar as normas técnicas e definir o cronograma para exigência do equipamento, o que levará alguns anos. Afinal, o controle de estabilidade foi adiado diversas vezes e as fabricantes precisam de um tempo para adicionar o item de segurança ao projeto dos próximos carros.


VEJA NO CANAL MOTOR1.COM

Você consegue imaginar um mundo sem acidentes de veículos? A Volvo não apenas imagina como já trabalha com este objetivo. Fomos até o Centro de Segurança Veicular da Volvo na Suécia para conhecer de perto as iniciativas do programa Volvo Vision 2020 que já estão em prática e as novas tecnologias que estão sendo desenvolvidas.



Source link

Get in Touch

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_imgspot_img

Related Articles

spot_img

Get in Touch

0FansLike
3,376FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

Latest Posts