spot_imgspot_img

Opinião: Avaí é combativo, mas precisa ser competitivo para garantir permanência na série A


O Avaí é uma equipe com jogo robusto, que sabe atacar e manter a bola na intermediária com qualidade, mas se perdeu do caminho da vitória. Faz poucos gols, e dificilmente garante vitórias, ou empates. É fato que conquistou pontos contra o Palmeiras, ao empatar em 2 a 2 na ressacada, e ao bater o Santos por 1 a 0. Contra o Flamengo, o Leão da Ilha animou e muito. A Ressacada viveu clima de vitória, mesmo com a derrota com o gosto amargo da virada.

Isso porque o time deu muito trabalho ao favorito Flamengo no primeiro tempo, e no segundo o sufocou nos primeiros minutos, até que abrisse o placar. Mas, após isso, abdicou do jogo, recuou as linhas e acreditou em possíveis contra-ataques. Só que Série A não dá espaço para falhas, muito menos diante de um Flamengo embalado, com recentes e poderosas contratações – Cebolinha e Vidal. O Avaí foi perigoso quando foi ofensivo, quando ofereceu resistência ao meio de campo do rubro-negro carioca.

Barroca precisa acreditar no potencial ofensivo do Avaí, no sentido de ocupar o campo do adversário. Recuar diante de uma grande equipe após conseguir uma vantagem é quase que uma cartilha dos técnicos brasileiros. Funciona? Muitas vezes sim. Em 2021, treinador português Antônio Oliveira organizou e encaminhou um Athletico pragmático, defensivo e com placares magros, às finais da Copa do Brasil e da Sul-americana, conquistando o vice no torneio nacional e levando o caneco internacional (o segundo do time do Paraná).

Não é o caso de levar o time à exaustão, com ataques constantes, mas sim de subir um pouco as linhas e propor jogo. Os jogadores cansam, isso é verdade, mas um jogo cadenciado na intermediária tem se mostrado um trunfo nas últimas partidas do Avaí. Pode não fazer gols, mas quando joga assim também não leva nem gols nem perigo de gol.

Para saber tudo sobre o Avaí, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

É uma equipe combativa, que impõe respeito a todos os seus adversários. Se entender que é o respeito e não a retranca que lhe garante bom resultado, o Leão da Ilha descarrega de Vladimir possíveis cargas de culpa por resultados ruins. Por isso, o combate deve se tornar competitividade, que, por sua vez, vira resultado quase que por essência. Série A requer raça, isso o Avaí tem, mas também atitude com cara de efetividade. O segundo turno é decisivo para o clube, cada segundo contará para a garantia de sua permanência.











Source link

Get in Touch

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_imgspot_img

Related Articles

spot_img

Get in Touch

0FansLike
3,430FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

Latest Posts