spot_imgspot_img

Suspeito de matar a namorada, pôr o corpo na mala de carro e ir lanchar no McDonald’s é condenado


No dia seguinte, com o corpo ainda no interior do veículo, James, foi a uma entrevista de emprego

James Hachem, de 36 anos, foi condenado na última terça-feira (26), por um tribunal de Sydney (Austrália) por ter assassinado a namorada, Samah Baker, de 30 anos, em sua casa em Parramatta, na Grande Sydney.

Após o crime, o homem colocou o corpo na mala de um carro e foi até um McDonald’s fazer um lanche. O julgamento teve uma duração de dois meses. O fato ocorreu depois que o suspeito viu a vítima beijando outro homem.

A mulher foi dada como desaparecida por parentes em 5 de janeiro de 2019, depois que um amigo confirmou tê-la deixado na cada dela, também em Parramatta, no dia anterior.

Em uma tentativa de esconder suas ações, James mandou uma mensagem para Samah.

A polícia rastreou o celular de James na região de Breadalbane, a cerca de 195 quilômetros a sudoeste de Sydney, onde os investigadores acreditam que ele se livrou do corpo de Samah. O cadáver nunca foi encontrado

James e Samah se conheciam havia 15 anos e tinham um “relacionamento íntimo com muitas idas e vindas”, segundo a Promotoria.

O condenado se declara inocente. O advogado de defesa afirma que a Justiça não deveria descartar a possibilidade de suicídio.

A sentença será proferida em algumas semanas.

Fonte: Jornal de Brasilia





Source link

Get in Touch

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_imgspot_img

Related Articles

spot_img

Get in Touch

0FansLike
3,434FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

Latest Posts