Como fazer massagem para prisão de ventre: 3 tipos e cuidados na rotina
Como fazer massagem para prisão de ventre: 3 tipos e cuidados na rotina

Quem sofre com a prisão de ventre sabe que não é possível esquecer do problema ao longo do dia. A pessoa sente um peso extra na região do abdômen, uma fadiga constante e o humor não fica dos melhores, pois tem sempre alguma coisa incomodando. Além do mais, se o problema for persistente, pode até acarretar em outros danos à saúde, já que o intestino não trabalha com a mesma eficiência na distribuição de nutrientes para o corpo. Então, uma das soluções que pode ajudar é a massagem para prisão de ventre junto com outras adaptações na rotina.

Veja também: qual é a frequência normal para ir ao banheiro?

Aqui você encontra:

Massagens para aliviar a prisão de ventre

massagem para prisão de ventre como fazer três tipos
massagem para prisão de ventre como fazer três tipos
Crédito: Freepik

Se uma pessoa sofre com prisão de ventre quase todos os dias da semana, antes de pensar nas soluções paliativas ela deve ir ao médico para descobrir a causa do problema. Tomar laxantes constantemente não é recomendado, porque eles desacostumam o intestino de trabalhar sozinho, viciando-o na medicação, mesmo que seja natural. Mas se a prisão ocorre de forma pontual, em situações de nervosismo, por exemplo, as massagens podem ser úteis, veja como fazer.

1. Massagem abdominal

A massagem abdominal para aliviar a prisão de ventre pode ser feita sem ajuda de ninguém. Só é preciso deitar-se ou sentar-se e usar apenas uma das mãos.

Com a mão aberta, massageie a região abdominal da direita para a esquerda, com uma leve pressão, como se estivesse empurrando as fezes pelo caminho interno do intestino até a saída.

O movimento começa abaixo das costelas para o lado, depois desce até abaixo do umbigo e vai para baixo na direção do ânus. Pode repetir algumas vezes e usar um creme ou óleo de amêndoas para a mão deslizar com facilidade.

2. Com reflexologia podal

A reflexologia podal é uma terapia que consiste em massagear os pés em pontos específicos para atingir determinadas partes do corpo e aliviar dores. Confira no vídeo como essa massagem é aplicada:

3. Massagem perineal

Esse tipo de massagem também deve ser feito pela própria pessoa. Cada organismo reage de uma forma diferente, então é bom realizar a massagem abdominal antes da perineal na tentativa de obter um melhor resultado.

  • Lave bem as mãos antes de começar;
  • Sente-se na posição de cócoras;
  • Com os dedos indicador e médio, faça uma leve pressão no períneo (para as mulheres, é a região entre a vulva e o ânus; para os homens, está entre o saco escrotal e ânus), em movimentos suaves, por cerca de 1 minuto;
  • Lave as mãos quando terminar. Faça a massagem sempre que sentir o desconforto.
  • Outros cuidados para combater a prisão de ventre

    evitar prisão de ventre
    evitar prisão de ventre
    Crédito: Freepik

    A massagem para prisão de ventre tem o objetivo de resolver o problema apenas no momento, e não como um tratamento diário. O que pode ser feito para evitar que a prisão de ventre volte a ocorrer são adaptações na rotina para um estilo de vida mais saudável, como:

    • Beber pelo menos 2 litros de água pura ao longo do dia;
    • Comer alimentos ricos em fibras;
    • Manter uma alimentação equilibrada e saudável;
    • Cortar ao máximo os alimentos industrializados ricos em açúcares, sódio e gorduras;
    • Dar preferência para carnes brancas em vez das vermelhas que demoram mais para digerir;
    • Praticar atividade física diariamente para estimular os movimentos peristálticos dos intestinos;
    • Ter boas noites de sono para o corpo se restaurar durante a noite;
    • Ir ao banheiro sempre que sentir vontade, evitando ao máximo segurar.

    As dicas desse artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado.

    Conteúdo Bloqueado

    Ajude-nos a crescer! Compartilhe esta matéria com seus amigos no Facebook clicando no botão abaixo para desbloquear o conteúdo automaticamente. Compartilhar é grátis!

    Clicando no botões você concorda com os termos de uso e política de privacidade