Secretária de Infraestrutura de PE assegura recuperação da malha viária do Perímetro Maria Tereza e garante: “Primeiro faz, depois discute responsabilidade”
Secretária de Infraestrutura de PE assegura recuperação da malha viária do Perímetro Maria Tereza e garante: “Primeiro faz, depois discute responsabilidade”
fernandha batista (1)
fernandha batista (1)

A secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos de Pernambuco, Fernandha Batista, disse que o governo do Estado não vai mais esperar a definição sobre de quem é a responsabilidade pela manutenção das estradas de acesso aos perímetros irrigados de Petrolina. Na visita feita ontem (10) à cidade para acompanhar os serviços do Programa ‘Caminhos de Pernambuco’, Fernandha afirmou que a essa discussão, entre o Estado e a Codevasf, será deixada em segundo plano.

Acompanhada do deputado estadual Lucas Ramos (PSB), do presidente do IPA Odacy Amorim, do gestor regional da Compesa João Raphael de Queiroz e do represente do DER-PE, Marcos Nóbrega, a secretária fez vistorias na área do Perímetro Maria Tereza e garantiu que o governador Paulo Câmara tomou a decisão de assumir a manutenção da rodovia de acesso à localidade.

Fernandha disse que o serviço será incluído no programa. Ela frisou que as obras de pavimentação naquela área foram feitas pela Companhia a um baixo custo, sem levar em conta detalhes relevantes, a exemplo do escoamento de frutas feitas por veículos pesados e de grande. “Não foi pensada uma estruturação de base e sub-base, ou seja, de uma estabilidade necessária para movimentação desse tipo de carga que acontece nessas rodovias”, justificou.

A secretária adiantou que o Estado, mesmo assim, fará a intervenção estrutural da malha viária dos perímetros, para só depois concluir a discussão com a Codevasf. “Não cabe não fazer a intervenção. A gente entende que isso viabiliza o desenvolvimento regional, o escoamento da produção, de forma significativa, porque somos exportadores. Então, a decisão do governador Paulo Câmara é fazer a intervenção enquanto se discute (a responsabilidade”, ponderou.

Conteúdo Bloqueado

Ajude-nos a crescer! Compartilhe esta matéria com seus amigos no Facebook clicando no botão abaixo para desbloquear o conteúdo automaticamente. Compartilhar é grátis!

Clicando no botões você concorda com os termos de uso e política de privacidade