A Polícia Civil do DF, por intermédio da 35ª Delegacia de Polícia, realizou a prisão em flagrante, na noite desta quinta-feira (21), de uma mulher, de 28 anos, acusada de associação para o tráfico e venda de drogas em parceria com o próprio marido, que se encontra preso pelo mesmo crime no presídio de Planaltina de Goiás.

De acordo com o apurado, a mulher do presidiário gerenciava uma central de distribuição de drogas a serem comercializadas e distribuídas em Sobradinho II. De dentro da cadeia, o marido da mulher — que está condenado a 21 anos de prisão por tráfico de drogas —, comandava toda a ação criminosa por meio do uso de um telefone celular.

“Ele fazia contato com a toda a família e compradores da droga. Em um desses contatos, a equipe policial conseguiu monitorar uma das transações e chegar ao endereço da autora, onde foram apreendidas drogas, bens e valores”, conta o delegado-chefe da 35ª DP, Laércio Carvalho.

As investigações apontaram, ainda, que outros familiares do casal estariam também envolvidos com o tráfico de drogas, porém, a maioria deles já está presa.

No endereço da envolvida, os agentes apreenderam drogas, balanças de precisão, utensílios para o manuseio dos entorpecentes, aparelhos celulares e R$ 200, em espécie.

O casal irá responder pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas. A mulher foi recolhida ao sistema prisional após os procedimentos legais.

Divisão de Comunicação/DGPC
#PCDFemCombate
#PCDFagora
PCDF, excelência na investigação

Fonte:SitePCDF